Ir para conteúdo principal
  
Registar Organismo
A carregar.
ver tudo

Código da Oferta:
OE201809/0843
Tipo Oferta:
Procedimento Concursal de Regularização
Estado:
Expirada estado
Nível Orgânico:
Ministério da Educação
Vínculo:
Contrato de trabalho por tempo indeterminado/Contrato de trabalho sem termo
Categoria:
Assistente Operacional
Remuneração:
580,00 €
Suplemento Mensal:
0,00 EUR
Caracterização do Posto de Trabalho:
Funções de Assistente Operacional


Local TrabalhoNº PostosMoradaLocalidadeCódigo PostalDistritoConcelho
Agrupamento de Escolas Ordem de Santiago, Setúbal (Escola Básica e Secundária Ordem de Santiago, Setúbal - Sede)2Avenida da Bela Vista2910421 SETÚBALSetúbal Setúbal
Total Postos de Trabalho:
2
Observações:

Relação Jurídica Exigida:
Sem Relação Jurídica de Emprego Público - Reconhecimento de Vínculo Precário
Requisitos para a Constituição de Relação Jurídica :
a) Nacionalidade Portuguesa, quando não dispensada pela Constituição, convenção internacional ou lei especial;
b) 18 anos de idade completos;
c) Não inibição do exercício de funções públicas ou não interdição para o exercício daquelas que se propõe desempenhar;
d) Robustez física e perfil psíquico indispensáveis ao exercício das funções;
e) Cumprimento das leis de vacinação obrigatória.


Habilitação Literária:
12º ano (ensino secundário)
Outros Requisitos:
---
Envio de candidaturas para:
chefeaveos@gmail.com
Contatos:
265/739703
Data Publicitação:
2018-09-28
Data Limite:
2018-10-12

Texto Publicado na página do organismo:
Aviso de Abertura:
Procedimento Concursal de Regularização sujeito ao regime previsto na Lei Geral do Trabalho em Funções Públicas, aprovada pela Lei n.º 35 de 2014 de 20 de junho e na Portaria n.º 83-A/2009 de 22 de janeiro, alterada e republicada pela portaria n.º 145-A/2011, de 6 de abril, com as especificidades decorrentes da Lei n.º 112/2017, de 29 de dezembro, para dois postos de trabalho na categoria de assistente operacional.
Autorização dos membros do Governo Artigo 30.º da LTFP:
DISPENSADA, nos termos do n.º1 do artigo 9.º da Lei n.º 112/2017, de 29 de dezembro